Júlio Resende

Foto © AL (Aníbal Lemos). Acervo Documental do Lugar do Desenho — Fundação Júlio Resende.

Biografia

Júlio Resende (1917 | 2011) natural do Porto, é autor de uma obra de pintura vastíssima,

desenvolvida entre os anos 30 do século XX e a primeira década do século XXI. Concluiu a

formação em Pintura, no ano de 1945, na Escola de Belas Artes do Porto, onde seria docente

entre 1958 e 1987.

Realizou inúmeras exposições no país e no estrangeiro, tendo iniciado, em 1934, a participação

em exposições coletivas, e um trajeto individual em 1943. Ao longo da sua carreira, foi distinguido

com relevantes prémios.

Realizou obra pública com trabalhos em técnicas que vão da cerâmica ao fresco, do vitral à

tapeçaria, instalados em espaços do norte ao sul de Portugal.

Ilustrou obras literárias, nomeadamente para a infância, realizou cenários e figurinos para teatro,

bailado e espetáculos de grande impacto. Sobre a sua produção debruçaram-se os principais

críticos e historiadores de arte portugueses, mas também importantes escritores e poetas.

A criação do Lugar do Desenho — Fundação Júlio Resende foi um dos principais projetos a

que se dedicou a partir da década final do século XX e da primeira década do século XXI.

Projetado pelo arquiteto José Carlos Loureiro, foi inaugurado em 1997, na margem do Douro, em

Gondomar, junto à Casa-atelier do artista, da autoria do mesmo arquiteto.

Em 1947 instala-se em Paris. Viajou por França, Bélgica, Holanda, Inglaterra e Itália. Na capital

francesa frequentou o atelier de Untersteller na Escola de Belas Artes de Paris, e a Academia

Grande Chaumière, como discípulo de Othon Friesz.

Sob a orientação de Duco de la Aix aprendeu a técnica do fresco. Realizou apontamentos do

natural — paisagem e figuras — bem como numerosas cópias no Museu do Louvre. Conviveu com

artistas estrangeiros, em particular com Mabel Gardner, o escultor Zadkine, o pintor checoslovaco

Frantisek Emler e com o norueguês Oddvard Straume. Estas ligações determinariam a realização

de exposições nos países nórdicos e o intercâmbio com esses artistas. Promoveu, por exemplo,

em 1957 uma exposição de artistas portugueses em Oslo e Helsínquia.

Nos anos de 1949 / 50 foi professor na pequena escola de cerâmica em Viana do Alentejo,

Alentejo, período em que privou com o escritor Vergílio Ferreira e com os artistas Júlio e Charrua.

Nos anos 50 promoveu, em Portugal, as Missões Internacionais de Arte, para as quais eram

convidados artistas estrangeiros em diálogo com artistas portugueses. Em 1954 leciona na Escola

Secundária da Póvoa de Varzim e em 1955 promove a segunda “Missão Internacional de Arte”,

naquela localidade.

Em 1970 seria responsável pela orientação visual e estética do Espetáculo de Portugal na

“Exposição Mundial de Osaka”, momento relevante da sua presença no estrangeiro. Nos anos 90,

reforça a articulação com os países de língua portuguesa ou de influência portuguesa, tendo sido

promovidas pela Fundação Júlio Resende, diversas estadias artísticas em Moçambique, Cabo

Verde e Goa que resultaram em exposições nesses países e na publicação dos respetivos

catálogos.

Faleceu aos 93 anos de idade, a 21 de setembro de 2011, na sua casa em Valbom,

Gondomar.

OBRAS DE ARTE

Sem Título - Chávena Café...
Disponível
Categoria: Chávena de Café Serigrafada Autor: Júlio Resende Titulo: Sem Título Ano: 2014 Técnica: Cerâmica Serigrafada Suporte: Cerâmica Dimensões: 5,5 x 7 cm Colecção: ÁRVORE
Sem Título - Gravura -...
Disponível
333,62 €
Categoria: Obra Gráfica Autores: Júlio Resende Titulo: Sem Título Ano: 1987 Técnica: Gravura Edição: 125 Exemplares Suporte: Papel Dimensões: 65,5 x 50 cm Colecção: ÁRVORE
Produto adicionado aos favoritos
Produto adicionado ao comparador

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Concorda com os nossos cookies se continuar a utilizar o nosso website.